quinta-feira, 26 de maio de 2016

Juventude das Paróquias de Caicó criam tapete com mais de 60 metros

Foto INACIA SANTOS - Juventude das paróquias de Caicó
construíram tapete colorido de mais de 60 metros

O Dia de Corpus Christi reuniu hoje cedo, a juventude de todas as paróquias de Caicó, em frente a Igreja de São José, onde eles construíram tapetes que, juntos, são mais de 60 metros. Os tapetes reúnem serragem colorida, areia, borra de café, flores, sementes variadas e sal, além de outros materiais, fazendo arte e demonstração de fé; na tradução de homenagens a Eucaristia, a Maria Mãe de Deus, Coração de Jesus, e símbolos de amor e paz utilizados pelos jovens.

Haverá celebração de Corpus Christi às 17h na Catedral de Sant’Ana, mas na Matriz de São José, logo pela manhã,  várias pessoas já visitavam os tapetes e fotografavam.

A procissão sai da Catedral até a Igreja de São José, onde vai ocorrer a bênção, depois do Bispo Diocesano e sacerdotes, percorrerem as ruas em procissão com o Santíssimo Sacramento. Também conforme a tradição, as pessoas colocam toalhas vermelhas e imagens sacras nas janelas, com flores, por onde passa a procissão.

O tapete só pode ser pisado pelos fiéis depois da passagem do Bispo Diocesano e sacerdotes com a Eucaristia. 


A festa de Corpus Christi foi instituída pela Igreja Católica Apostólica Romana em 8 de setembro de 1264, pelo Papa Urbano IV, e acontece 60 dias depois do Domingo de Páscoa ou na quinta-feira seguinte ao domingo da Santíssima Trindade, remetendo à quinta-feira da Santa Ceia quando Cristo instituiu a Eucaristia, com pão e vinho.  


Anna Jailma - jornalista e blogueira
Foto de Inácia Santos/ blog Sidney Silva

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Espaço Sinhá, aqui no Seridó, será revitalizado e pede doações

Dedé Carnaúba: "O Espaço Sinhá é um espaço de inclusão social e de atividades artísticas e pedagógicas, bem como, de terapias ocupacionais."

Escultura do músico Felinto Dantas: arte em escultura que valoriza a história de Carnaúba dos Dantas e dos grandes músicos da terra.

Em Carnaúba dos Dantas, o artista Dedé Carnaúba tem o objetivo de revitalizar o Espaço Sinhá Rita, que funciona sem fins lucrativos, criado para realização e exposição de obras de arte. Durante o ano, vários profissionais de Saúde, Educação, Cultura, Assistência Social e Turismo, tem visitado o Espaço para conhecer as artes onde destacam-se principalmente as esculturas, inclusive em argila. 

Senhora Sant'Ana, em argila
Para revitalização do local, Dedé Carnaúba está arrecadando doações de cimento, que será utilizado no lajeamento. A doação pode ser em sacos de cimento ou depositando o valor no Banco Bradesco Ag. 1038 CC 6072 que tem como titular José Francisco Filho. 

O Espaço Sinhá Rita, fica ao sopé do Monte do Galo, tendo vista privilegiada da paisagem bucólica que circunda Carnaúba dos Dantas. Com esta valorização do local, ele pretende, até o final do ano, ampliar as obras de arte, favorecendo a exposição aberta ao público. 

O verdadeiro artista tem na alma uma vontade de transbordar o sentimento que o inspira, de fazer crescer a arte que ele próprio realiza. Isso porque, compartilhar a arte está interligado ao fato de fazer cultura, verdadeiramente. 

"O Espaço Sinhá é um espaço de inclusão social e de atividades artísticas e pedagógicas, bem como, de terapias ocupacionais. Em agosto iremos começar atividades, de forma voluntária e experimental, e no final do ano teremos a exposição. O valor em cimento será investido em mais obra de arte" afirma Dedé Carnaúba. 

Vale destacar que Dedé Carnaúba também tem um trabalho desenvolvido no Centro de Atenção Psicossocial do Município de Caicó, onde inclusive recebeu na noite de 18 de maio, a Comenda de Honra ao Mérito "Sant'Ana dos Diferentes", que homenageia personalidades colaboradoras do Serviço de Saúde Mental de Caicó. 


Anna Jailma - jornalista e blogueira
Fotos - arquivo pessoal do artista

domingo, 22 de maio de 2016

Escultor sabugiense tem realizado mais de 10 peças nos últimos 4 anos







Damião Ezequiel - escultor


Cristo Crucificado  para uma fazenda 
em Caraúbas RN


A primeira escultura: Papa João Paulo II
A intimidade do escultor Damião Ezequiel com arte plástica iniciou na infância, quando desenho e pintura nas folhas repartidas pelo chão, eram a principal diversão entre ele e mais sete irmãos.

Com o passar dos anos, foram vários os trabalhos de pintura em tela, em tecido, e parede, como a pintura do ícone de Nossa Senhora do Pérpetuo Socorro, na Capela de Nossa Senhora Aparecida, em São João do Sabugi RN.

Mas foi em 2012 que o artista venceu um desafio que abriu um leque de novas experiências na sua vida:  fez a escultura do Papa João Paulo II, medindo 1,75cm. 

A riqueza de detalhes nos traços da fisionomia do Papa, chamava atenção de quem passava em frente a casa de seus pais em São João do Sabugi, causando emoção e curiosidade diante de um trabalho tão minucioso, feito em apenas 30 dias.

A partir disso, Damião Ezequiel passou a viajar frequentemente, atendendo as mais variadas encomendas, aqui no Estado e no Rio de Janeiro. 

Cristo Redentor está em Casa de Repouso
no Rio de Janeiro
“O fazer escultura já me levou a conhecer o nosso Rio Grande do Norte e também o Rio de Janeiro, onde fiz três trabalhos, entre eles um Cristo Redentor para uma Casa de Repouso . As viagens me levam a conhecer várias pessoas e isso é muito gratificante pra mim”, diz Ezequiel.

As suas últimas peças produzidas foram Santo Expedito e Cristo Crucificado, que estão em fazenda no município de Caraúbas RN.

Entre as mais de 10 peças esculpidas desde 2012 estão “Cristo”, em chácara particular na cidade de Vera Cruz RN, “Cristo Redentor” na Casa de Repouso Santa Rita, em Duque de Caxias RJ, "Nossa Senhora Desatadora de Nós" também no Rio de Janeiro, “São José” no Cemitério Público de Angicos, RN, Santa Clara em residência de Montanhas RN e busto do ex-presidente “Lula da Silva” na BR 226, em Macaíba RN, em fábrica de jarros.

O artista costuma fazer as esculturas sozinho; misturando areia, cimento e ferro com sua sensibilidade, que permite eternizar desde os traços mais marcantes até os traços quase imperceptíveis de cada um. E esta capacidade de enxergar com profundidade, realçando marcas peculiares, é que faz o diferencial do seu trabalho.

Uma das esculturas mais marcantes de Damião Ezequiel é a de seu saudoso pai, o exímio pedreiro Antônio Ezequiel Neto; feita ao lado do túmulo, no Cemitério Público São Pedro, em São João do Sabugi RN.


Antônio Ezequiel, pai do escultor
“A imagem do meu pai era a peça que eu sempre sonhei em fazer. O projeto inicial era ele junto a mãe dele. Quando iniciei ele ainda estava vivo e seria uma homenagem eternizando a imagem dos dois juntos, mas, no mesmo período ele adoeceu, faleceu e acabou sendo para seu jazigo”, diz o escultor.

A obra iniciada não podia estacionar, e ele precisou concluir numa mistura de saudade profunda e vontade de concretizar o trabalho prometido ao pai.

“Concluir o trabalho foi uma sensação dolorosa. Em todo momento eu via a imagem dele, vivo em minha frente, como ainda vejo; mas, era tudo muito recente.  Ao mesmo tempo foi prazeroso, por estar eternizando de alguma forma a imagem dele. O trabalho durou dois meses”, afirma.

Damião Ezequiel não tem curso na área. Ele acredita que sua habilidade no âmbito das esculturas é um legado que vem dos seus pais, visto que a mãe tem forte aptidão para desenho e pintura, e seu pai era pedreiro e artesão. 

Cristo em chácara de Vera Cruz RN
“Agradeço muito ao Criador por ter me dado esse dom. Cresci vendo meus pais criarem uma coisa ou outra, com aquela inquietude da imaginação deles e aquilo foi transmitido para nós. Como as dificuldades eram tantas, a gente criava nossos próprios brinquedos e eu resolvi levar isso mais a sério”, conclui.


O preço de cada obra depende da complexidade da escultura. Para contato com o escultor: (84) 99934-5838



Anna Jailma - jornalista e blogueira
Fotos - arquivo pessoal de Damião Ezequiel

sexta-feira, 20 de maio de 2016

RisoTerapia de Caicó recebe título de Utilidade Pública Municipal





O prefeito municipal Roberto Germano sancionou a Lei 4.863 de 26 de abril de 2016 que concede o título de Utilidade Pública Municipal a “Associação Uma Injeção de Amor – Risoterapia” de Caicó. O projeto de lei é de autoria do vereador Rangel e foi aprovado na Câmara Municipal de Vereadores por unanimidade.

Amenizar a dor com riso, levar um mundo lúdico aos hospitais e plantar esperança, faz parte do trabalho destes “doutores da alegria”. Eles entram e saem de hospitais, visitando leitos, afagando idosos e carregando crianças no colo, provocando risos, plantando esperança e muito amor, para colher alegria.

“O RisoTerapia é minha vida. Sou feliz por ter essa oportunidade de fazer o bem às pessoas que precisam. Nesses 5 anos eu não me vejo sem realizar o trabalho. É meu maior orgulho”, diz Cristiano Manoel fundador e coordenador do grupo.

O projeto RisoTerapia é desenvolvido por 17 voluntários, que passam por seleção junto aos integrantes e aprendem como desempenhar a função.

As brincadeiras, fluem de forma espontânea, no improviso; mas seguem algumas regras simples sobre 'o que fazer ou não fazer' nos hospitais. E o critério primordial para fazer este “doutorado” é ter coração aberto, para acolher as dores, respeitando lágrimas e provocando risos.

As visitas acontecem em todos os leitos, desde que o paciente permita. “Quem manda é o paciente. Se ele permitir nós visitamos. Alguns se sentem sozinhos e quando visitamos damos muita atenção; então, eles ficam encantados”, diz Cristiano Manoel.

Em Caicó o grupo foi lançado em 26 de fevereiro de 2011 e permanece realizando o trabalho semanalmente, atendendo três hospitais: Hospital Regional do Seridó (SESP), Liga do Câncer e Hospital do Seridó.

O grupo é mantido com doações de parceiros, que são usadas para custear maquiagens, pirulitos, bexigas e outros assessórios. Para entrar em contato ligue (84) 99817-9329.

Anna Jailma - jornalista e blogueira

Fotos - Risoterapia - Uma Injeção de Amor

quarta-feira, 18 de maio de 2016

Dia 18 em Caicó é lembrado com blitz e participação de agências bancárias





O Dia D da Campanha de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescente, teve como marco em Caicó, “Blitz 18 de Maio”, realizada no cruzamento da Av. Coronel Martiniano com Av. Seridó e em frente a Escola Estadual Calpúrnia Caldas de Amorim – EECCAM, nesta quarta-feira.
CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

A blitz reuniu órgãos de proteção à criança e adolescente como Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS, Centro de Referência de Assistência Social - CRAS, Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos - SCFV, Conselho Tutelar e Aldeias Infantis SOS, que compareceu com crianças e adolescentes dos pólos assistidos pelas Aldeias nos bairros Frei Damião e Samanaú.

Na blitz foram colocados adesivos nos veículos, houve distribuição de folders informativos com a população, e nos sinais de trânsito foram expostas as faixas com frases que provocam a conscientização: “No Brasil 165 crianças ou adolescentes sofrem abuso sexual por dia, ou sete deles a cada hora” e “A denúncia é seu basta na violência. Enquanto você pensa se denuncia, a violência continua”

CORREIOS E TELÉGRAFOS
Neste ano, houve parceria com agências bancárias. Os funcionários abraçaram a causa e vestiram a camiseta da campanha durante o expediente de trabalho, neste   dia 18, além de utilizarem banners no interior das agências. 

“As agências do Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Correios e Telégrafos abrilhantaram a Campanha de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescente 2016. Clientes e funcionários demonstraram apoio total a campanha e isso é muito gratificante”, disse Sibelly Varela de Paula, coordenadora do Centro de Referência Especializado de Assistência Social - CREAS

A data do dia 18 de maio é o Dia D da Campanha, remetendo a morte da menina Aracelli, violentada e morta em 1973, em Vitória, no Estado do Espírito Santo. Seus agressores continuam impunes.

BANCO DO BRASIL
Esta realidade não é distante. Aqui em Caicó, em 10 de setembro de 2009, o menino Victor Manoel dos Santos, de 8 anos, foi violentado e morto afogado no Rio Seridó, por dois vizinhos de confiança da família. Um deles está preso; mas, o outro permanece em liberdade.

A Campanha de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescente é realizada em Caicó pela Prefeitura Municipal, através da Secretaria Municipal do Trabalho, Habitação e Assistência Social - SEMTHAS, e Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS. 


Anna Jailma - jornalista e blogueira
Fotos - CREAS

Em Caicó, a camiseta da Campanha de Combate ao Abuso e Exploração Sexual teve arte de estudante caicoense


Neste ano, a Prefeitura Municipal de Caicó, através da Secretaria Municipal do Trabalho, Habitação e Assistência Social – SEMTHAS, e Centro de Referência Especializado de Assistência Social - CREAS, trouxe na camiseta da Campanha de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes 2016, a imagem que reflete o sofrimento da criança que sofre violência. 

Luma e Marciano Soares, diretor da EMPK
A arte impressa foi o desenho campeão do Prêmio Aracelli 2015, ocorrido dentro da campanha no ano passado. O rosto traz uma criança assustada, com o choro oprimido pelas mãos de um adulto, remetendo ao sofrimento vivenciado pelas crianças vítimas de violência sexual. E vale destacar que o agressor é representado pelas mãos adultas, inclusive, usando aliança; cobrindo a boca da criança para impedir o grito e o apelo por ajuda.

O desenho é de autoria da estudante Luma Soares, de 16 anos, aluna da Escola Municipal Presidente Kennedy. “No desenho quis expressar a criança que sofre violência sexual, sentindo-se oprimida pelo medo de revelar a situação que vive, sendo muitas vezes também chantageada pelo agressor”, disse Luma no Seminário de Enfrentamento à Violência Sexual contra Criança e Adolescente, realizado na última terça-feira, 17, aqui em Caicó.



Durante a Campanha de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, a SEMTHAS distribuiu as camisetas com toda a rede socioassistencial, bem como, a Empresa Correios e Telégrafos e agências bancárias de Caicó - que abraçaram a causa: Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil

Anna Jailma - jornalista e blogueira

segunda-feira, 16 de maio de 2016

NOTAS DE CULTURA



VIOLAS SINGULARES - Muito rica a apresentação do Projeto SESC Sonora Brasil que trouxe sábado dia 14, Violas Singulares para Caicó, com viola-de-cocho, do Estado do Mato Grosso, viola fandangueira ou caiçara do Estado de São Paulo e a viola de buriti de Tocantins. Os músicos, de três Estados distintos estiveram tocando e interagindo com o público, falando sobre suas experiências na música e sobre a cultura popular de seu povo: professor Sidnei Duarte, especialista em viola-de-cocho e exímio guitarrista, renomado no país, tem desenvolvido relevantes pesquisas acadêmicas sobre o assunto;  Rodolfo Vidal que convive com a viola fandangueira desde a infância em Cananeia SP, inclusive criando composições especiais para este instrumento, grande conhecedor das tradições de seu povo, e o grande representante da cultura popular do povoado Mumbuca, em Mateiros - TO, Maurício Ribeiro, que tem a viola buriti como integrante da história familiar, sendo neto e filho de músicos. Ele próprio cria a viola e executa músicas. Maravilhoso conhecer e valorizar a cultura deste país tão rico em cultura popular. Nossa viola é linda e a deles também!




CIRCO - Domingo, dia 15, houve tarde cultural para as crianças das Aldeias Infantis SOS de Caicó, promovida através de parceria do Centro Cultural Adjunto Dias e Circo do Fuxiquinho .
A iniciativa tem objetivo de atender projetos sociais da cidade, valorizando o teatro, o circo e a cidadania. Como diz a música “a gente não quer só comida, a gente quer comida, diversão e arte”. Parabéns pela iniciativa.

Anna Jailma - jornalista e blogueira

Fotos - divulgação

quinta-feira, 12 de maio de 2016

UFRN traz Orquestra Sinfônica à Caicó no próximo sábado






Acontece sábado, dia 14, a partir das 20h, a pré-abertura do VII Seminário de Ensino, Pesquisa e Extensão do Centro de Ensino Superior do Seridó – CERES/UFRN, que conta com apresentação especial da Orquestra Sinfônica da UFRN. 

O evento será no Auditório do CERES, aqui em Caicó,  aberto ao público e com entrada gratuita. 

Anualmente acontece renovação no quadro de músicos da Sinfônica, mediante os testes realizados; favorecendo a alta qualidade da orquestra e possibilitando o ingresso de novos músicos na equipe.

Vale destacar que a Orquestra Sinfônica da UFRN iniciou sua Temporada 2016, em 23 de abril, com apresentação que lotou o espaço na Escola de Música da UFRN. Na ocasião foram executadas obras que eram inéditas nos palcos do Rio Grande do Norte.

Anna Jailma - jornalista e blogueira

Foto - divulgação OSUFRN

Caicó realiza Seminário de Enfrentamento à Violência Sexual



A Prefeitura Municipal de Caicó, através da Secretaria Municipal do Trabalho, Habitação e Assistência Social, realiza dia 17 o Seminário de Enfrentamento à Violência Sexual contra Criança e Adolescente do Município de Caicó. 

O Seminário será realizado no Centro Pastoral Dom Wágner, no horário das 8h às 16h, reunindo a rede de articulação para formação do Grupo de Trabalho – GT, que irá construir o Plano de Enfrentamento a Violência Sexual de Crianças e Adolescentes.

Serão abordados os seguintes temas: “O panorama da violência sexual contra crianças e adolescentes do município de Caicó”, com a psicóloga Carmelinda Santos, a enfermeira Fernanda e o psicólogo José Eder; “Direito a sexualidade de criança e adolescente enquanto direito humano”, com a especialista em sexologia, Ana Paula Maia,  e “ Estratégia de Enfrentamento a Violência Sexual contra Crianças e Adolescente: os planos de enfrentamento e o trabalho em Rede”, com a assistente social Sayonara Dias.

Na programação irá ocorrer a Formação do Grupo de Trabalho – GT – para construção do Plano Municipal de Enfrentamento a Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes. 

O evento acontece dentro da Campanha de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, que tem como dia D – 18 de maio. A criação do Plano Municipal de Enfrentamento a Violência Sexual deve fortalecer o combate, através da determinação de metas e ações que favorecem a proteção integral aos que estão em situação de risco ou já vivenciando situação de violência sexual.

Anna Jailma - jornalista e blogueira
Imagem - divulgação 

Sementes da Terra homenageiam as mães na Biblioteca Municipal de Caicó

Acontece hoje na Biblioteca Municipal Olegário Vale, de Caicó, a partir das 19h30, apresentação do grupo Sementes da Terra, que tem orientação e participação da poetisa Constância Uchoa. Esta é a segunda vez que o grupo se faz presente na biblioteca municipal, junto ao Clube da Leitura daquele celeiro de cultura.

As crianças irão apresentar poesias que homenageiam as mães. A noite é intitulada de "Mãe é puro amor e poesia". Promete ser uma noite de emoção, de alegria e encantamento, como a infância. 

O Grupo Sementes da Terra é formado por crianças que pesquisam a história e a poesia dos poetas do Seridó, e aprendem e declamam os versos; como forma de difundir e eternizar a beleza da poesia desta região. 

O projeto foi idealizado por Constância Uchoa, ano passado, na Casa de Cultura Popular de Caicó, e vem valorizando e expandindo a poesia, através de apresentações abertas ao público; bem como, plantando nas crianças a identidade cultural com a poesia e com a história de vida de nossos poetas.

Anna Jailma - jornalista e blogueira
Foto - divulgação